class main AboutMe { exec(); }
Hoje vou falar culinária!
E quando é um especialista em cozinha que por sinal também gosta de administrar redes informáticas é de louvar e estar muito atento! A quem diga que os bons cozinheiros são excelentes na cama... Prefiro esperar pelo casamento para descobrir se esta máxima aplica-se ou não!

Voltando ao assunto, hoje vou ensinar como fazer tarte de maçã. E vão ver como é muito simples. Primeiro esquecem aquelas tartes que pesam no estômago, estou a falar de uma tarte bem leve e suave, doce Q.B. nada melhor para festas, aniversários e funerais.

Antes de mais, como bom geek que sou ao Jumbo Online e mando vir o seguinte (evitem o Continente...  Não gosto deles):
  • Massa Folhada BIMBO 230G (2,15 euros)
  • Compota de Maça aos pedaços ANDROS 740G (2,46 euros)
  • 2/3 maçãs Golden Nacionais (0,79 euros/Kg)
  • Canela em pó MAGRÃO 39G (1,72 euros)
  • Meia dúzia de Ovos AUCHAN (0,69 euros)
Antes de mais nada, cozinha é como gajas! É preciso ir com calma quando necessário e saber largar os travões quando necessário! Por isso, o nosso primeiro alvo é a massa folhada! Abrir a embalagem, colocar a massa numa superfície  ampla de forma a deixar a massa respirar uns bons 10 minutos. Depois da massa ter ganho a temperatura ambiente, vamos espalhar um pouco de farinha  pela sua área, não é preciso exagerar... Eu disse à pouco, é como as gajas, vá, com calma e com jeitinho.
Uma vez a massa deitada na forma da tarte, vamos picar com um garfo a massa de forma que, quando a massa tiver no forno ela também possa respirar e assim crescer de forma homogénea.  Não esquecer de fazer os contornos da tarte ao esticar a massa até a parte alta da forma.
Uma vez a preparação da massa concluída, vamos aplicar a compota ANDROS na nossa futura tarte. Mais uma vez não é preciso exagerar! Um frasco de 750G pode fazer 2 ou 3 tartes. Toca a dosear de forma equilibrada!
Finalmente, cortar as maçãs em meia lua relativamente finas e deixar expressar o artista escondido que há dentro de ti ao criar uns belos desenhos. Imagina que levas a tarte à discoteca, por isso deve ser uma tarte apetitosa! E como as gajas, vá la... Depois das maçãs estarem artisticamente colocadas, salpicar a tarte com canela.
Levar ao forno. Atenção, a tarte é como um namoro. Não ponhas o forno logo no máximo! 160/180 graus durante uns 30 minutos é uma boa ideia. Nota: as temperaturas dos fornos são uma treta! Por isso, não há matemática aqui, é mais uma vez: uma questão de olho. Não deixas a massa estorricar. Ah, uma coisa importante, o ovo! Abres o ovo, guardas a gema e bates a gema numa taça. Aplicas a gema de ovo na massa folhada mais ou menos a meio a cozedura.

Et voilà! Bom apetite!

Nota: Quem tiver uma Bimby: aqui ela não serve de nada...

Sem comentário, seja o primeiro! | Publicado por Ruben Alves @ 11/11/08 20:00
Escrever um comentário ao texto: "Tarte.de.Maçã.pt"
Nome*:
E-mail*:
Página web
(não obrigatório):
"Quanto dá dez mais Catorze"
(Resposta: 20,22 ou 24?)*:
Mensagem*:


  ÚLTIMO MÊS: Agosto 2011

  Sobre.Pessoas.pt (21/08/11)
  Pensamento.dia.em.pleno.Agosto.pt (18/08/11)
  E foi assim que... (18/08/11)
  Julho.em.Imagens.2011 (18/08/11)

  TEXTOS EM ALTA!

  iPhone5 - my predictions.com (07/03/11)
  parvo.que.sou.pt (22/02/11)
  2G,3G,4G e agora 5G! (08/02/11)
  Novo.Projecto:Pedra-alta.com (01/02/11)
  website.updates-status-v1.pt (30/01/11)



FOTOGRAFIA ALEATÓRIA: Drops of a new dawn

Drops of a new dawn

Ruben... Quem sou? Nascido em Novembro de 1980, Sagitáriano puro e duro com ascendente Aquário. Sou canhoto, adoro arte, computadores, fotografia, redes, programação, design, música. Odeio futebol, bacalhau e injustiça.

Neste momento sou um Jovem de 30 anos, curioso pela vida, curioso por tudo o que mexe, tudo que respira, que faça ruídos. Encanto-me facilmente com uma gota de água a bater no vidro mas não fico impressionado com um Ferrari. Gosto das coisas simples da vida, um olhar, um sorriso, um simples gesto. Adoro amar, como gosto de ser amado. Não troco o meu leitor DVD por uma PlayStation, no entanto trocaria um filme por uma bela fotografia.

Não sou complexo, apenas perplexo... tudo depende do ponto de vista.

[...] Farto de escrever... | pausa II

~~~


No meio de tudo isto, tenho este lugar cibernético. Um recanto pontualmente actualizado, apontado como um blog, mantenho a minha ideia que antes de ter esta pretensão, considero que é antes de mais nada um simples sítio web onde escrevo, descrevo, apresento, coloco perguntas, dúvidas e afirmações. Com os textos, coabitem vários espaços representativos do meu Espaço.

Talvez seja o lugar mais sensato para me conhecer... Ou pelo menos, iniciar-se nesta longa viagem que é o meu Ser...
[...] Farto de escrever..| stop .

Correio.electrónico:
mail AT ruben-alves PONTO com

Telefone:
919.181.***

A minha Página no Twitter.


creative commons