class main AboutMe { exec(); }
Se ests a espera de um texto geek, muda rapidinho de website. Agora hora de desabafo....

Sentado no meu sof apenas com a iluminao de algumas led's, da lua que hoje parece enorme e um copo com gelo bem servido de Jameson, penso. S penso numa pessoa, num momento, continuo a sentir a doura dos seus beijos, o cheiro dos seus abraos, a ternura do seu olhar. Porqu que temos sempre de achar que elas acabam sempre por preferir andar com gajos problemticos, pessoas insensveis e s vezes idiotas... Porqu que quando achamos que se trata da pessoa certa, vem sempre uma varivel incontrolvel, um fantasma do passado?
Paro e penso... S me vem a cabea umas das ltimas frases do filme que acabei de ver:

What's all this shit about love? How do we get so nuts? The time we waste! When you're alone, you cry, "Will I find her?" When you're not- "Does she love me as much as I love her?" "Can we love more than one person in a lifetime?" Why do we split up? All these fucking questions! You can't say we're uninformed. We read love stories, fairy tales, novels. We watch movies. Love, love, love...!

O que o amor? No falo na paixo ou amorzinhos que vivemos com 16 anos. No! Falo do verdadeiro Amor. Falo do Amor eterno, aquele sentimento que no desaparece que permanece em ns. Ser que podemos amar duas vezes? Ser que podemos amar num s sentido sem receber nada em troca? No sei, s sei que esta noite penso em ti e que hoje s quero uma coisa, estar perto de ti e estar contigo... Contigo, conto os minutos longe de ti, olho para ti e vejo-me. Contigo vejo-me dentro de 20 anos. Contigo sou eu, e sou capaz de me entregar totalmente.
Existe sem dvida mais do que uma mera atraco ou um simples desejo, existe algo que no sei explicar - inexplicvel, no sei se amor ou paixo, s sei que trata-se de uma ligao que os quilmetros no podem separar e que o tempo no apaga, nem ir apagar da minha memria.
Por isso, por ti espero. Como j disse, quando tocamos realmente algum, quando o destino nos reservado, nada me pode entristecer, porque sei que um dia havemos de estar juntos. deste dia que espero, desde momento que sonho e contigo que quero acordar...

Sem comentário, seja o primeiro! | Publicado por Ruben Alves @ 08/11/08 03:06
Escrever um comentário ao texto: "What's all this shit about love?"
Nome*:
E-mail*:
Página web
(não obrigatório):
"Quanto dá dez mais Catorze"
(Resposta: 20,22 ou 24?)*:
Mensagem*:


  LTIMO MS: Agosto 2011

  Sobre.Pessoas.pt (21/08/11)
  Pensamento.dia.em.pleno.Agosto.pt (18/08/11)
  E foi assim que... (18/08/11)
  Julho.em.Imagens.2011 (18/08/11)

  TEXTOS EM ALTA!

  iPhone5 - my predictions.com (07/03/11)
  parvo.que.sou.pt (22/02/11)
  2G,3G,4G e agora 5G! (08/02/11)
  Novo.Projecto:Pedra-alta.com (01/02/11)
  website.updates-status-v1.pt (30/01/11)



FOTOGRAFIA ALEATÓRIA: Desespero

Desespero

Ruben... Quem sou? Nascido em Novembro de 1980, Sagitáriano puro e duro com ascendente Aquário. Sou canhoto, adoro arte, computadores, fotografia, redes, programação, design, música. Odeio futebol, bacalhau e injustiça.

Neste momento sou um Jovem de 30 anos, curioso pela vida, curioso por tudo o que mexe, tudo que respira, que faça ruídos. Encanto-me facilmente com uma gota de água a bater no vidro mas não fico impressionado com um Ferrari. Gosto das coisas simples da vida, um olhar, um sorriso, um simples gesto. Adoro amar, como gosto de ser amado. Não troco o meu leitor DVD por uma PlayStation, no entanto trocaria um filme por uma bela fotografia.

Não sou complexo, apenas perplexo... tudo depende do ponto de vista.

[...] Farto de escrever... | pausa II

~~~


No meio de tudo isto, tenho este lugar cibernético. Um recanto pontualmente actualizado, apontado como um blog, mantenho a minha ideia que antes de ter esta pretensão, considero que é antes de mais nada um simples sítio web onde escrevo, descrevo, apresento, coloco perguntas, dúvidas e afirmações. Com os textos, coabitem vários espaços representativos do meu Espaço.

Talvez seja o lugar mais sensato para me conhecer... Ou pelo menos, iniciar-se nesta longa viagem que é o meu Ser...
[...] Farto de escrever..| stop .

Correio.electrónico:
mail AT ruben-alves PONTO com

Telefone:
919.181.***

A minha Pgina no Twitter.


creative commons